terça-feira, 27 de março de 2012

RUFOLO: OPOSIÇÂO ACEITA DESAFIO DE GAROTINHO

RUFOLO: OPOSIÇÃO ACEITA DESAFIO DE GAROTINHO

Os vereadores da Oposição, na Câmara Municipal de Campos, aceitaram o desafio proposto pelo deputado federal Anthony Garotinho, na radio Diario, no último sábado, 25, de investigarem e encontrarem irregularidades e imoralidades no contrato da prefeitura com a Rufolo.

O requerimento da vereadora Odisseia, PT, posto e derrotado em plenario, na semana passada, que cobrava explicações da prefeita sobre a empresa terceirizada, será reapresentado, na sessão de hoje, 27.

Resta saber como vai se comportar a bancada governista. Extraído do Blog de Fernando leite.

4 comentários:

  1. estarei lá para ver!

    ResponderExcluir
  2. Lembrete: a Rufolo esconde bolo e as fatias dos corrompidos, por isso, eles desafiam provar irregularidades, se não ficariam apavorados.

    ResponderExcluir
  3. Deputado Roberto Henriques envia carta a Rosinha pedindo liberação de licenças das antenas da Vivo para Santo Eduardo, Santa Maria, Espírito Santinho e adjacências:

    ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

    GABINETE DO DEPUTADO ROBERTO HENRIQUES

    Ofício n° 045/12 Rio de Janeiro. 27 de março de 2012.

    Senhora Prefeita,

    A Telefonia Móvel é uma bandeira de lutas que as comunidades de Santo Eduardo, Santa Maria, Espírito Santinho e adjacências busca há bastante tempo. Por dever de ofício, na função de Deputado Estadual procurei apoiá-los e estar presente em audiência com a Comissão de Moradores na EMBRATEL e estive presente em duas reuniões com dirigentes e técnicos da Empresa VIVO.

    Recentemente, no dia 29 de fevereiro, próximo passado, técnicos da Empresa VIVO estiveram realizando os estudos necessários para a implantação e funcionamento do serviço telefônico pleiteado pela população das comunidades acima citadas.

    Ressaltando que após esta visita técnica a Prefeitura Municipal de Campos precisará emitir as licenças para as instalações de antenas. Venho solicitar que V. Exa. determine à sua assessoria, especial atenção ao caso, bem como seu esforço pessoal junto aos dirigentes da Empresa VIVO para que no prazo mais rápido possível esta luta comunitária do povo de Santa Maria. Santo Eduardo, Espírito Santinho e adjacências tenha pleno êxito.

    Certo de que V. Exa. está também nesta luta, desde já agradeço-lhe.

    Atenciosamente,

    Dep. Estadual Roberto Henriques.


    Deputado Roberto Henriques disse...

    Resposta ao Sr. Carlos Jardim e outros semeadores de discórdia

    Sempre tratei a luta de Santa Maria, Santo Eduardo e Espírito Santinho como uma luta comunitária e de Espírito Público. Nunca me coloquei de forma individual como “PAI” exclusivo. Valorizei sempre em minhas declarações na Tribuna da Assembleia Legislativa e na Imprensa a participação da Comunidade como a maior liderança dessa luta.

    Quem observar o Ofício que remeti à Prefeita Rosinha Garotinho (minha adversária politica, não minha inimiga) vai verificar que ao final do mesmo ressalto: “certo de que Ex.ª está também nesta luta desde já lhe agradeço...” Considero, portanto, que essa luta pertence a todos indistintamente. Por isso, é fácil concluir que o Sr. Carlos Jardim e mais uns poucos, estão dentro de uma proposta bem diferente do que espera verdadeiramente a nossa população, ou seja, estão preocupados em espalhar a desunião. Estão a serviço de quem??? Da população de Santo Eduardo, Santa Maria, Espírito Santinho e região têm certeza que não estão.

    Que ninguém aja sozinho ou com interesse pessoal no caso da Telefonia Celular. Venha Carlos Jardim para a luta de forma unida e responsável, pois essa luta é de todos. O importante é o problema ser resolvido.

    Forte Abraço Deputado Roberto Henriques

    Blog do L. Werneck às Terça-feira, Março 27, 2012

    ResponderExcluir
  4. A empresa Rufollo não presta mais serviços aos hospitais federais do rio desde novembro de 2011 quando foi substituída pela empresa Lapa, desde então ela não pagou DECIMO TERCEIRO DE 2011 E AINDA NÃO PAGOU RESCISÃO DE NENHUM DOS QUASE 600 FUNCIONÁRIOS QUE TRABALHARAM NESTES HOSPITAIS.
    FUNCIONÁRIOS QUE PRESTAVAM SERVIÇOS NOS HOSPITAIS DO HOSPITAL DO ANDARAÍ E HOSPITAL CARDOSO FONTES AINDA NÃO RECEBERAM RESCISÃO E A EMPRESA ALEGA QUE NÃO TEM PREVISÃO DE PAGAMENTO..

    MAS PRA DAR PROPINA ELES TEM DINHEIRO...
    ISSO É UMA VERGONHA!!!

    ResponderExcluir