quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Brasil foi jogar Gabão e vence por 2x0

Mesmo sem empolgar, a seleção brasileira de 'estrangeiros' e poucos titulares venceu o Gabão por 2 a 0, no campo enlameado do estádio Nacional, em Libreville, capital do país africano.

O técnico Mano Menezes convocou apenas atletas que atuam foram do Brasil para não atrapalhar os times que disputam o Campeonato Brasileiro. Kaká e Marcelo, ambos do Real Madrid, foram cortados por lesões.

Os gols brasileiros, ambos no primeiro tempo, foram marcados por Sandro, ex-Inter, hoje no Tottenham (ING), e Hernanes, ex-São Paulo, atualmente na Lazio (ITA).

Este foi o primeiro duelo na história entre Brasil e Gabão. Segundo um site que reúne trabalho de vários pesquisadores, a partida contra os gaboneses foi a milésima da história do time brasileiro.

O confronto, promovido pelo país africano, teve um caráter político. O presidente Ali Bongo foi recebido com status de 'rei' antes da bola rolar no péssimo gramado do estádio gabonense. Após a execução do hino local, a luz da arena acabou e o duelo começou com 18min de atraso.

Mano Menezes poupou alguns jogadores considerados titulares da equipe. Apenas o zagueiro David Luiz começou o confronto entre os 11 brasileiros. Na segunda etapa, o volante Lucas Leiva e o zagueiro Thiago Silva também entraram.

Outro detalhe da partida em território africano foi a 'aposentadoria' da camisa 10 brasileira. Nenhum dos 23 atletas relacionados pelo comandante da equipe nacional usava o mítico número.

O próximo compromisso do Brasil é contra o Egito, em Cairo, na segunda-feira, às 15h (horário de Brasília). O último da temporada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário