terça-feira, 3 de maio de 2011

Obama vai visitar NovaYork para marcar morte de Bin Laden

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deverá visitar Nova York na quinta-feira (5/5) para marcar a morte do líder da rede extremista Al Qaeda, Osama Bin Laden, informou a Casa Branca.

Obama vai visitar o Marco Zero, local onde ficavam as torres gêmeas do World Trade Center, destruídas nos atentados de 11 de setembro de 2001, que mataram cerca de 3 mil pessoas e dos quais Bin Laden é acusado de ter sido o principal mentor. Segundo a Casa Branca, o presidente deverá se reunir com parentes das vítimas.

Desde o anúncio da morte de Bin Laden, na noite de domingo (1º), milhares de pessoas se reuniram no Marco Zero para festejar, empunhando bandeiras americanas e gritando slogans a favor dos Estados Unidos.

Nesta terça-feira (2/5), em um discurso no local do atentado, o prefeito da cidade, Michael Bloomberg, disse que “o espírito de Nova York nunca esteve tão fortalecido”. Em Washington uma multidão se aglomerou em frente à Casa Branca para celebrar a morte do líder terrorista.

Em um jantar esta noite, que reuniu líderes congressistas democratas e republicanos na Casa Branca, Obama disse que a morte de Bin Laden fez com que o país vivenciasse “o mesmo sentimento de união que prevaleceu após o 11 de Setembro”. “Nesta noite, é minha esperança ardente que nós possamos usar um pouco dessa união e um pouco desse orgulho para confrontar os muitos desafios que ainda enfrentamos”, afirmou.

Muito aplaudido pelos congressistas dos dois partidos ao mencionar a morte de Bin Laden, Obama agradeceu às forças especiais responsáveis pela missão no Paquistão. “Quero mais uma vez reconhecer os heróis que levaram adiante esta missão incrivelmente perigosa, assim como a todos os militares e profissionais de contraterrorismo que fizeram com que esta missão fosse possível”, disse Obama.

Bin Laden foi morto no domingo em uma operação das forças americanas na mansão onde estava escondido, na cidade de Abbottabad, ao norte de Islamabad, capital do Paquisão.

Segundo a Casa Branca, o presidente e a cúpula da área de segurança assistiram em tempo real, na Casa Branca, aos cerca de 40 minutos da operação que levou à morte o principal líder da Al Qaeda.

“Foi provavelmente um dos períodos mais cheios de ansiedade, eu acho, nas vidas das pessoas que estavam reunidas aqui ontem”, disse o principal assessor da Casa Branca para assuntos de segurança nacional e contraterrorismo, John Brennan.

Também hoje, em uma rara declaração a respeito de operações militares unilaterais de um de seus membros, o Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) saudou a morte de Bin Laden. “O Conselho de Segurança reconhece este avanço crucial e outras realizações na luta contra o terrorismo e insta todos os Estados a permanecerem vigilantes e intensificar seus esforços na luta contra o terrorismo”, diz a declaração.

2 comentários:

  1. Se você estiver com dificuldades de encontrar um advogado que possa litigar contra a Prefeitura, pois parece que todos são contratados, eu conheço uma doutora e, ela me foi indicada por um advogado de renome. Porém era para atuar contra o Estado. Acredito que ela possa atuar contra a Prefeitura também.

    Saudações

    ResponderExcluir
  2. Reflexões, obrigado pela oferta mas tenho advogado constituído e estamos preparando a defesa sem alarde. O prazo para minha defesa está correndo a partir do dia 27 de março( DIA DA CITAÇÃO), LOGO TENHO ATÉ O DIA 12 DE ABRIL PARA CONSTESTAR A MADAME, MAS O FAREI ANTES. dE QUALQUER FORMA, RENOVO MEUS SINCEROS AGRADECIMENTOS E PREOCUPAÇÃO.

    ResponderExcluir