quinta-feira, 31 de março de 2011

O DETRAN ADVERTE..

Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 21 milhões no sábado

Nenhuma aposta acertou os números do concurso 1.270 da Mega-Sena, sorteados na noite desta quarta-feira. O prêmio acumulou mais uma vez e deve chegar a R$ 21 milhões no sorteio de sábado (2), segundo estimativa da Caixa.
Os números sorteados na noite de hoje em Capão Bonito (SP) foram: 05 - 09 - 24 - 31 - 33 - 42.
De acordo com a Caixa, 144 apostas acertaram a quina e vão receber R$ 12.262,67 cada uma. A quadra vai pagar R$ 274,61 para cada um dos 9.186 bilhetes ganhadores.
A Mega-Sena realiza sorteios duas vezes por semana, às quartas e aos sábados. As apostas devem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio. A aposta mínima --seis números-- custa R$ 2.

quarta-feira, 30 de março de 2011

Fotógrafo flagra zebra dando coice e escapando de ataque de leão

Na imagem, feita no Parque Nacional de Ngorongoro, na Tanzânia, um leão tenta abater uma zebra mas é derroptado. Foto de Thomas Whetlen ( Cates-via BBC). Gostei muito!!!

Vida...

" A vida é uma festa. A gente chega depois que começou e sai antes que acabe." Elsa Maxwell (1883-1963)

terça-feira, 29 de março de 2011

Ô, abração bão...

walter jr.

Japão ainda sofre com radiação nuclear


José Alencar morre aos 79 em SP; velório será em BSB e BH

O ex-vice presidente sempre criticou as altas taxas de juros do governo Lula.

Kadafi acusa coalizão internacional de promover ofensiva bárbara

O presidente da Líbia, Muammar Khadafi, apelou nesta terça-feira (29/3) para que as forças de coalizão – lideradas pelos Estados Unidos, a França e Grã-Bretanha – encerrem a "ofensiva bárbara e injusta" contra o país. Khadafi se referiu aos ataques aéreos promovidos pelos líderes internacionais, seguindo a resolução aprovada pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas, definindo a imposição de uma zona de exclusão (aérea) na região.
"Parem a ofensiva bárbara e injusta contra a Líbia", afirmou Khadafi em mensagem, segundo a agência oficial líbia, a Jana. No texto, Khadafi pediu que a Líbia seja deixada aos líbios e alertou a comunidade internacional que ela está envolvida numa "operação de extermínio de um povo em segurança e de destruição de um país em desenvolvimento".
Desde o último dia 19, as forças de coalizão promovem ataques à Líbia. Os líderes internacionais alegam que estão protegendo os civis das agressões de Khadafi. Segundo os líderes, não há possibilidade de haver intervenção por terra.
Uma reunião extraordinária para discutir a crise na Líbia ocorre hoje em Londres, na Grã-Bretanha.
A reunião conta com a presença de delegações de cerca 35 países e de representantes órgãos internacionais, como a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, e o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon.
O primeiro-ministro da Grã-Bretanha, David Cameron, disse esperar que o encontro garanta ''o máximo de unidade política e diplomática''. Em comunicado conjunto, a Grã-Bretanha e a França conclamaram correligionários do líder líbio a abandoná-lo ''antes que seja tarde demais'' fonte;correio braziliense

segunda-feira, 28 de março de 2011

Em Campos agora é assim...

Receita Federal tem brecha legal que permite pagar menos IR

Ao fazer a declaração, os contribuintes têm a possibilidade de reduzir a carga fiscal exigida pela Receita. E isso pode ser feito de forma legal, sem risco de a declaração ser retida na malha fina.
Usando as brechas dadas pela Receita, os contribuintes terão restituição maior ou pagarão menos após a entrega da declaração.
Essas possibilidades são mais comuns no caso de contribuintes casados e nos casos em que os filhos também trabalham. Eis algumas manobras que o leão permite.
SEPARADAS
Quando trabalham (ou têm renda), integrantes da mesma família (marido, mulher, filhos etc.) devem sempre fazer declarações separadas -cada um terá a isenção anual de R$ 17.989,80.
No caso de um casal, o que tiver a maior renda deve, de preferência, declarar usando todas as deduções permitidas (o modelo completo).
Se suas deduções forem superiores a R$ 13.317,09, sempre será vantagem optar pelo modelo completo.
O que tiver a menor renda deve, em geral, declarar no modelo simplificado, pois poderá abater, sem comprovação, 20% da renda tributável (limitado a R$ 13.317,09).
PENSÃO ALIMENTÍCIA
Quando um casal se separa, geralmente o marido deve definir, perante o juiz, como será o pagamento da pensão alimentícia judicial à ex-mulher e aos filhos (se houver).
Nos casos em que não há filhos (ou se eles forem maiores), o acordo pode ser feito por escritura pública.
Tomemos por exemplo um casal com dois filhos menores. Se o marido pagar pensão alimentícia aos três, deve dizer ao juiz que deseja pagar valores individuais (em contas bancárias) em vez de fazer um só depósito. Para tanto, todos terão de ter CPF.
Se pagar R$ 1.400 a cada um, a empresa em que trabalha (se for assalariado) descontará R$ 4.200 e depositará R$ 1.400 para cada um.
Os valores são isentos. Se quem paga a pensão for autônomo, abaterá esse valor no cálculo do carnê-leão.
Ao declarar, o responsável pela guarda dos filhos deve fazer três declarações. Como cada um terá recebido R$ 16,8 mil, todos estarão isentos. No total, R$ 50,4 mil da família estarão isentos.
Se os R$ 50,4 mil fossem pagos apenas à ex-mulher, ela teria R$ 3.004,56 de imposto devido no ano (usando o modelo simplificado).
BENS COMUNS
Se um casal tem renda de bens comuns, pode dividi-la (metade para cada um). Exemplo: marido e mulher trabalham e têm imóvel alugado por R$ 2.000 mensais.
Nesse caso, não precisarão pagar o carnê-leão porque cada um recebe R$ 1.000 (valor isento). O ideal é declararem separadamente. Assim, cada um inclui a própria renda e os R$ 12 mil do aluguel.
Se cada um tiver recebido R$ 40 mil no emprego (ou como autônomo), a renda anual individual será de R$ 52 mil. Declarando no modelo simplificado, cada um poderá deduzir R$ 10,4 mil. A renda tributável individual será de R$ 41,6 mil, o que dá R$ 3.292,56 de IR devido (juntos, pagarão R$ 6.585,12).
Se um deles tributasse os R$ 2.000 apenas na sua declaração, teria pago R$ 37,57 por mês pelo carnê-leão. No ano, seriam pagos R$ 450,84. Nesse caso, sua renda anual totalizaria R$ 64 mil (a do outro seria de R$ 40 mil).
No caso de R$ 64 mil, o IR devido seria de R$ 5.766,65; no de R$ 40 mil, seria de R$ 1.428,69 (ambos usando o modelo simplificado).
Lançando o aluguel em duas declarações, o imposto devido pelo casal seria de R$ 6.585,12; em apenas uma, seria de R$ 7.195,34.
Folhasp

Parabéns Campos!!! A miséria continua em Guarús, na baixada...

Sem comentários!!! A foto fala por tudo!

domingo, 27 de março de 2011

sábado, 26 de março de 2011

sexta-feira, 25 de março de 2011

Últimas notícias da guerra na LÍBIA

Quando souber de algo mais, volto a informar.
Correspondente: Aliwalter Mahomedsilva Abdajr.

PROGRAMA DE HABITAÇÃO MUNICIPAL " MORAR NO BURACO FELIZ"

Se vc ainda não tem o seu buraco, em breve terá. A Prefeitura está trabalhando pra isso.

quinta-feira, 24 de março de 2011

STF ANULA LEI DA FICHA LIMPA

O Supremo Tribunal Federal decidiu anular na noite desta quarta-feira a validade da Lei da ficha Limpa nas eleições de 2010, com o voto decisivo do ministro Luiz Fux. O STF concluiu que a lei não poderia ter sido aplicada na última eleição por causa do chamado princípio da anualidade. A decisão altera o resultado das urnas e adia a restrição à candidatura de políticos condenados em segunda instância. Entre os beneficiados com a decisão estão Paulo Rocha (PT-PA), Cássio Cunha Lima (PSDB-PBO), João Capiberibe (PSB-AP), Marcelo Miranda (PMDB-TO), eleitos para o Senado.

Na boca do Lupi

A Câmara dos Deputados aprovou requerimento do deputado Augusto Coutinho (DEM-PE) para o ministro Carlos Lupi explicar a denúncia de que o ministério do Trabalho beneficia ONGs processadas na Justiça.

terça-feira, 22 de março de 2011

Piadinha ilustrada

Walter Jr.

Universitário costura a própria boca em protesto na Venezuela


Radicalizando os protestos e greves de fome que se arrastam há 27 dias na Venezuela, o estudante Villca Fernández decidiu costurar a própria boca nesta terça-feira, em Caracas.

O universitário fez o gesto público em frente à sede do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no país.

"Dissemos que iríamos até as últimas consequências e o estamos fazendo. Hoje, depois de ter costurado minha boca, digo ao país que entendo por que você tenta fechar as universidades venezuelanas: porque você quer um país de ignorantes para que sua política fascista possa ser levada a cabo", disse o líder estudantil dirigindo-se ao presidente Hugo Chávez.

Fernández disse ainda que mais colegas seus devem fazer o mesmo tipo de protesto. "Às 17h haverá outro estudante costurando a boca, cinco horas depois, mais um, 24 horas depois, mais um".

Os jovens apelam para uma revisão nas políticas de concessão de bolsas de estudo no país e dizem que os protestos devem aumentar ainda com o objetivo de "congregar o povo venezuelano a lutar pela democracia". Se a moda pega aqui na cidade...

Vai faltar água em metade das cidades brasileiras em 2015

Mais da metade dos municípios brasileiros (55% do total) terá deficit de abastecimento de água em 2015. Levantamento feito pela ANA (Agência Nacional de Águas) mostra que são necessários investimentos de R$ 22,2 bilhões para evitar o risco de um colapso total até 2025.
Hoje, cerca de 16% das cidades do país têm algum problema de abastecimento. Para tratar também os esgotos jogados nos rios, o que impede a reutilização das águas, serão necessários cerca de R$ 70 bilhões.
Os dados fazem parte do Atlas de Abastecimento Urbano de Água, um mapeamento completo de todos os 5.565 municípios brasileiros, liderado pela agência das águas com instituições federais, estaduais e municipais.
DISTRIBUIÇÃO
O estudo mostra que o Brasil é um dos países mais ricos em recursos hídricos, mas o grande desafio no fornecimento de água é a população concentrada em locais onde há sua menor oferta.
A região amazônica reúne 81% das fontes hídricas do país, mas as áreas de maior densidade populacional, como o Sudeste e o Nordeste, têm só 3% da água, originada na Bacia do Atlântico.
"Caso não sejam feitos os investimentos, haverá risco de interrupção temporária no abastecimento cada vez mais frequentes. Manobras como rodízio no fornecimento para os consumidores poderão ser mais usadas. Mas não há risco para pânico", diz Ney Maranhão, superintendente de Planejamento de Recursos Hídricos da ANA.
O Nordeste é a região que mais demandará investimentos em captação de água, por ter as menores reservas: R$ 9,1 bilhões.
Já o Sudeste, onde está a maior parte da população, precisa de mais dinheiro para tratamento de afluentes. Juntos, os Estados de SP, RJ, ES e MG vão precisar de R$ 7,4 bilhões em captação de novas fontes de água.
Folhasp.

segunda-feira, 21 de março de 2011

domingo, 20 de março de 2011

O encontro das duas maiores nações do mundo...


OBAMA: BRASIL É EXEMPLO DE DEMOCRACIA PARA O MUNDO ÁRABE

F Frase de Barack Obama proferida no Rio de Janeiro. Enquanto isso, os caças americanos estão dando demonstrações de perícia na Líbia. Caricatura Walter Jr.

sábado, 19 de março de 2011

Kadafi começa a levar tiro na cara

Navio de guerra dos EUA lança mísseis contra Líbia
Um navio de guerra dos Estados Unidos lançou mísseis de cruzeiro contra alvos da Líbia. O ataque vem horas depois de uma ofensiva aérea da França contra um veículo militar das tropas do ditador líbio, Muammar Gaddafi.
Segundo um porta-voz do Pentágono disse nesta segunda-feira, esta é a primeira de muitas fases que serão tomadas contra as forças de Gaddafi.
Uma fonte do Pentágono afirmou à agência Reuters, em condição de anonimato, que os EUA participam da operação Odyssey Dawn, algo como Odisseia da Alvorada, e que envolvem ainda Reino Unido, França, Itália e Canadá. Segundo a fonte do Pentágono, a operação internacional focará em destruir as forças aéreas do Gaddafi em Trípoli e Misrata.
O navio U.S. Tomahawk lançou mísseis contra as forças aéreas de Gaddafi, em cumprimento com a resolução aprovada há dois dias pelo Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) que permite o uso de força para instaurar uma zona de exclusão aérea no país.
A CNN diz que os ataques ocorreram perto de Trípoli, a capital líbia, e Misrata, terceira maior cidade do país.
Os ataques americanos foram a primeira fase da implementação da zona. Eles liberaram o caminho para que aviões europeus e de outros países possam entrar no espaço aéreo líbio e impor a restrição de voo a quaisquer outras aeronaves.
Um funcionário do governo americano, que falou em anonimato à FOX News, disse que o governo Obama promete limitar seu envolvimento, ao menos nas fases iniciais da crise. As forças americanas devem focar os esforços na proteção das missões aéreas da França e outros países.
Cerca de 25 navios, incluindo três submarinos armados com mísseis Tomahawk, estão estacionados no Mediterrâneo. Cinco aviões de vigilância também estão na área.
Horas antes, a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, reforçou o apoio americano à intervenção internacional na Líbia e ressaltou que o objetivo é proteger a população. "Nós temos todas as razões para temer que, se não fizermos nada, Gaddafi vai realizar atrocidades indescritíveis", disse.
Mais cedo, um caça francês lançou neste sábado o primeiro ataque internacional contra as forças de Gaddafi, desde que a resolução do Conselho de Segurança sobre a intervenção foi aprovada, na noite de quinta-feira.
Caça francês Rafale decola da base de Saint-Dizier, rumo à Líbia; governo confirmou primeiro ataque no país
O alvo foi um veículo militar líbio, segundo o Ministério de Defesa francês. O porta-voz do ministério, Thierry Burkhard, disse que o ataque foi lançado às 16h45 GMT (13h45 em Brasília), quando o jato atirou contra o veículo militar.
Burkhard não deu mais detalhes sobre o local do ataque ou possíveis vítimas. Ele disse, contudo, que nenhum ataque contra os jatos franceses foi registrado.
O canal de TV árabe Al Jazeera, que cita fontes anônimas, diz que os aviões de guerra franceses já destruíram quatro tanques líbios, no sudoeste da cidade de Benghazi. O relato não foi confirmado.

VIGILÂNCIA

Mais cedo, o presidente francês, Nicolas Sarkozy, alertou que aviões franceses já sobrevoavam o território líbio e estavam intervindo para evitar ataques das forças de Gaddafi em Benghazi, reduto dos rebeldes no leste do país.

Ele anunciou o ataque como cumprimento da resolução do Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) que estabelece uma zona de exclusão aérea na Líbia, mas ressaltou que o ditador Muammar Gaddafi ainda tem tempo de desistir da ação militar contra os rebeldes da oposição.

"Nossos aviões já estão prevenindo ataques na cidade de Benghazi", disse Sarkozy, acrescentando que estão "preparados" para intervir também contra tanques de guerra.

Mesmo antes do anúncio oficial, fontes militares diziam que vários caças franceses sobrevoavam o território líbio, no que seria uma missão de reconhecimento que duraria toda a tarde.

Burkhard confirmou o envio de jatos Mirage e Rafale neste sábado para a cidade de Benghazi, com a missão de impor a zona de exclusão aérea de 150 km por 100 km. "Toda aeronave que entrar nesta zona pode ser derrubada", disse.

A intervenção, segundo Sarkozy, foi acordada após uma reunião com líderes de mais de 20 países. Sarkozy disse em breve pronunciamento que todos decidiram aplicar efetivamente a resolução, aprovada há dois dias.

"Juntos decidimos garantir a aplicação da resolução do Conselho de Segurança exigindo o cessar-fogo imediato e o fim da violência", disse Sarkozy. "Concordamos em usar todos os meios necessários, em particular os meios militares, para garantir a decisão".

Ele ressaltou, contudo, que a medida permite a intervenção militar visa a proteger o direito dos civis de protestar pacificamente e não decidir o rumo do país africano. A intervenção "acontecerá enquanto houver qualquer pressão de Gaddafi contra Benghazi", disse Sarkozy.
Fonte: FOLHASP

sexta-feira, 18 de março de 2011

quarta-feira, 16 de março de 2011

terça-feira, 15 de março de 2011

Caças: Obama pode oferecer navios de "brinde"

O governo dos Estados Unidos prepara uma proposta que classifica como “irrecusável”, segundo fontes diplomáticas, para vender 36 aviões de combate F-18 à Força Aérea Brasileira. O presidente Barack Obama considera oferecer, durante a visita ao Brasil, de graça, uma espécie de “brinde” milionário: um número ainda não fixado de navios americanos quase novos, como contribuição para reequipar a Marinha do Brasil.
Os EUA também estão dispostos a baixar o preço dos seus caças F-18. O Brasil definiu que vai gastar até R$ 10 bilhões nessa compra.
Navios de sobra
Os cortes orçamentários fixados pelo congresso de lá obrigam a Marinha dos EUA a retirar de operação cem navios de combate.
Parceiro bonzinho
Barack Obama alegará que o Brasil é parceiro preferencial dos EUA no continente, daí o interesse em ajudar a melhorar a defesa do País
Fonte Claudio Humberto

Radiação aumenta e Japão admite que pode prejudicar saúde

O primeiro-ministro do Japão, Naoto Kan, afirmou nesta terça-feira em discurso televisionado que a radiação se espalhou por quatro dos seis reatores da usina Fukushima Daiichi, atingida pelo terremoto de magnitude 9 na sexta-feira.
Os níveis perigosos de radiação vazando do complexo forçaram o Japão a ordenar, nesta terça-feira, que 140 mil pessoas se fechem dentro de casa e evitem contato com ar contaminado com material radioativo. Outras 200 mil pessoas foram retiradas até esta segunda-feira da região.
"Por favor não saiam nas ruas. Por favor fiquem em casa. Por favor fechem as janelas e isolem sua casa", disse o secretário de gabinete Yukio Edano. Ele admitiu que a radiação está em um nível que pode prejudicar a saúde.
"São números que potencialmente podem afetar a saúde. Não ignorem isso", disse Edano, sem dar mais detalhes.
Depois de uma explosão no reator 3 e incêndio no reator 4 (que até agora não havia sido afetado), as autoridades ao sul do complexo Fukushima Daiichi registraram níveis de radiação cem vezes maior que o normal, segundo a agência de notícias Kyodo. Este nível não é fatal, mas pode causar graves consequências se o tempo de exposição for prolongado.
A capital Tóquio, que fica a 240 km de Fukushima, também registrou uma pequena elevação nos níveis de radiação. O aumento, contudo, não é suficiente para ameaçar os 39 milhões de moradores da capital e seus arredores.
"A quantidade é extremamente pequena, e não levanta preocupações com a saúde. Isso não vai nos afetar", diz Takayuki Fujiki, funcionário do governo de Tóquio.
A Kyodo diz que o nível de radiação elevou-se a nove vezes acima do normal em Kanagawa, perto de Tóquio, mas os níveis já haviam caído na noite desta terça-feira (manhã em Brasília).
Soldados japoneses se equipam para lavar objetos contaminados com material radiativo em Fukushima
Mais perto do complexo nuclear, as ruas da cidade costeira de Soma estavam vazias, enquanto alguns moradores permanecem trancados em suas casas.
O premiê Naoto e outras autoridades alertaram que ainda há riscos de mais vazamentos e ampliou a área de risco para um raio de 30 km.
As previsões meteorológicas para Fukushima são de neve e vento vindo do nordeste na noite desta terça-feira, soprando em direção a sudoeste, rumo a Tóquio, e em seguida se deslocando para oeste, em direção ao mar. Isso é importante porque mostra a direção que uma possível nuvem nuclear pode seguir.
A crise nuclear é o pior que o Japão tem enfrentado desde o bombardeio atômico de Hiroshima e Nagasaki durante a Segunda Guerra (1939-1945).

REATORES

A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) disse terça-feira que as autoridades japonesas anunciaram um incêndio na lagoa de armazenamento --uma piscina usada para manter a temperatura do combustível nuclear baixa-- do reator 4 e que a "radioatividade está sendo liberada diretamente na atmosfera".
Os trabalhadores estavam desesperadamente tentando estabilizar três dos reatores da usina, que sofreram pequenas explosões depois do terremoto e tsunami de sexta-feira --que danificou o sistema de resfriamento. Desde o terremoto, os engenheiros injetam água do mar nos reatores como uma tática emergencial.
Moradores aguardam em fila para conseguir gasolina; suprimentos estão cada vez mais escassos
Um quarto reator, que estava desligado no momento do tremor, pegou fogo na manhã de terça-feira (noite de segunda-feira) e mais radiação foi liberada, disse Edano. O fogo foi apagado.
"É provável que o nível de radiação aumentou drasticamente devido ao incêndio na unidade 4", disse Edano. "Agora estamos falando de níveis que podem prejudicar a saúde humana. Essas leituras são tomadas perto da área onde acreditamos que os lançamentos estão acontecendo. Longe dali, os níveis devem ser mais baixos."
Ele disse ainda que os reatores 1 e 3 estão estáveis, mas a situação da unidade 2 não é clara. As temperaturas nos dois outros reatores, unidades 5 e 6, estão ligeiramente elevadas.
"O sistema de refrigeração não está funcionando bem e a temperatura está aumentando gradualmente, de modo que é necessário controlá-la", disse Edano.
Autoridades disseram que 50 trabalhadores, todos eles com equipamento de proteção contra radiação, ainda estavam tentando bombear água para os reatores para refrigerá-los. Eles dizem que outros 800 funcionários foram retirados. Os incêndios e explosões nos reatores deixaram 15 trabalhadores feridos e até 190 pessoas expostas a radiações elevadas.
VÍTIMAS
Na manhã desta terça (horário local), a polícia japonesa informou que o número oficial de vítimas do terremoto seguido por tsunami chegou a 2.414. O maior número de vítimas se encontra na província de Miyagi, onde 1.254 pessoas morreram.
Oficialmente, há 3.118 desaparecidos. Mas autoridades regionais disseram acreditar que dezenas de milhares podem ter sido levados pelo tsunami, que devastou uma larga área da costa nordeste do Japão na sexta-feira.
O número de mortos, porém, ainda deve aumentar e as autoridades estimam que a cifra final deve superar os 10 mil. Somente em duas áreas da província de Miyagi foram encontrados 2.000 corpos ainda não contabilizados no balanço oficial. Há cidades em que milhares estão desaparecidos.
Segundo a agência de notícias Kyodo, cerca de mil corpos foram encontrados em Miyagi, além de outros 200 ou 300 corpos que as equipes tentam resgatar em Sendai, local mais atingido pelo tremor e pelas ondas gigantes.
Em Miyagi, o governo não conseguiu contatar cerca de 10 mil pessoas --mais da metade da população local. O destino de dezenas de milhares de pessoas, incluindo cerca de 8.000 moradores da cidade de Otsuchi, ainda é desconhecido, segundo a Kyodo.
FOLHASP

sexta-feira, 11 de março de 2011

quinta-feira, 10 de março de 2011

Embaixador líbio diz que jornalista brasileiro será liberado hoje

O embaixador da Líbia no Brasil, Salem Omar Abdullah Al Zubaidi, assegurou nesta quinta-feira a integrantes da Comissão de Direitos Humanos do Senado que o jornalista brasileiro Andrei Netto, do "O Estado de S. Paulo", vai ser libertado pelo governo líbio ainda nesta quinta-feira.
O "Estado" perdeu contato há uma semana com o jornalista, enviado à Líbia, que estava no oeste do país cobrindo os conflitos. O jornal informou que, até domingo, recebia informações indiretas de que o repórter estava bem, escondido na região de Zawiya, sem poder se comunicar com o jornal por razões de segurança.
Na quarta-feira, o "Estado" recebeu indicações de que Netto tinha sido preso por tropas do governo perto de Zawiya, cidade controlada pelos rebeldes e sob intenso ataque das forças leais ao ditador Muammar Gaddafi.
Segundo o senador Paulo Paim (PT-RS), presidente da comissão, o embaixador disse que as autoridades líbias estão tomando "todas as providências" para que Netto saia da prisão.
Segundo o senador Eduardo Suplicy (PT-SP), que também conversou com o embaixador, Zubaidi disse que o jornalista foi detido por não estar com as documentações necessárias para o exercício da profissão na Líbia.
"Ele me relatou que o jornalista não teria a licença que se faz necessária à mídia para se trabalhar na Líbia. Mas que já estava sendo libertado", afirmou.
A comissão enviou ofício à Embaixada da Líbia no Brasil em protesto contra a prisão do jornalista. Os senadores também encaminharam moção de apoio ao governo de São Paulo com manifestações de indignação pelo ocorrido.
"Esperamos que não só ele, mas que todos os jornalistas que estejam detidos na Líbia sejam liberados o mais rápido possível", afirmou Paim.
Netto, 34, atua como correspondente do jornal em Paris desde 2006.

MAIS JORNALISTAS
Ele viajava com Ghaith Abdul-Ahad, repórter de cidadania iraquiana do jornal britânico "Guardian", que nesta quinta-feira confirmou que está tentado localizar o correspondente.
A publicação disse, em sua página na internet, que o repórter --que trabalha no jornal britânico desde 2004 e já foi enviado ao Iraque e ao Afeganistão-- não entra em contato com o jornal desde domingo.
Os dois jornalistas estavam nos arredores de Zawiyah, uma cidade controlada por rebeldes a aproximadamente 50 quilômetros a oeste da capital Trípoli e local de violentos confrontos nos últimos dias entre insurgentes e forças leais a Muammar Gaddafi.
"O Guardian está em contato com autoridades do governo líbio em Trípoli e em Londres e pediu a eles que preste urgentemente toda a assistência na busca de Abdul-Ahad e determine se ele está detido pelas autoridades", disse o jornal.
Na quarta-feira, a BBC disse que uma de suas equipes foi detida pelas forças de segurança da Líbia, agredida e sujeita a uma falsa execução depois que seus membros foram detidos em um posto de controle no caminho à Zawiya.
Os três integrantes da equipe foram acusados de espionagem e suas vidas foram ameaçadas durante 21 horas enquanto eram mantidos por soldados e a polícia secreta leais ao líder líbio, segundo o jornal.
O governo líbio tem restringido o deslocamento de jornalistas estrangeiros em Trípoli e determinou que devem viajar acompanhados por autoridades.
fonte; FOLHASP

quarta-feira, 9 de março de 2011

ROBERTO CARLOS GANHA O CARNAVAL NO RJ COM A BEIJA-FLOR

Mais feliz do que pinto no lixo, o cantor curte o título em sua cobertura na Urca. É o 12° título da escola de samba de Nilópolis comandada pelo bicheiro Anísio e puxada por Neguinho da Beija-flor que compôs o enredo com seu filho. E segue o baile...

sábado, 5 de março de 2011

Flamengo enfrenta Olaris às 16h20 no estádio Raulino de Oliveira

Depois do jogo, Luxa liberou a rapaziada para tomar uma cachaçada com muito samba, mulheres...

sexta-feira, 4 de março de 2011

IMAGEM CHOCANTE! Traficantes do RJ fogem e deixam BAGULHO pra trás!!

Clique na imagem.

Ministério Público pede condenação de Fernando Collor

O Ministério Público Eleitoral pediu ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) a condenação do senador Fernando Collor (PTB-AL) com base na Lei da Ficha Limpa.
Segundo o Ministério Público, Collor teria manipulado o resultado de pesquisa eleitoral divulgada no pleito de 2010, quando ele concorreu ao governo de Alagoas.
O recurso contesta decisão do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de Alagoas, que, apesar de reconhecer que ocorreu fraude na pesquisa eleitoral, entendeu que o caso não configurou abuso de poder e uso indevido dos meios de comunicação a ponto de gerar a inelegibilidade de oito anos prevista na lei.
O Ministério Público informou que a pesquisa foi realizada pelo instituto Gape, que pertence ao grupo de comunicação da família do petebista, e teve os dados deturpados com o claro intuito de beneficiar a candidatura de Collor e seu vice, Galba Novais Júnior. Os dados foram veiculados no jornal Gazeta de Alagoas, que foi multada pela divulgação.
"Impossível reconhecer que a fraude não importa em abuso, notadamente quando é visível o escopo de privilegiar candidato determinado, atentando-se para o fato de que este é, nada mais nada menos, que sócio-proprietário da pessoa jurídica responsável pela manipulação e divulgação dos dados", afirma no recurso.

CONDENAÇÃO
Neste mesmo caso, o jornal Gazeta de Alagoas questiona no TSE decisão do TRE-AL que o condenou ao pagamento de multa pela divulgação da suposta pesquisa fraudulenta.
A empresa jornalística alega que não poderia haver a aplicação da multa em Ação de Investigação Judicial, tendo em vista que, por ser pessoa jurídica, não seria parte legitima, motivo pelo qual não produziu defesa técnica.

"A propaganda é a alma do negócio"

Clique na imagem.

quinta-feira, 3 de março de 2011

quarta-feira, 2 de março de 2011

Gratidão é tudo!!!!


UI!!! QUE PÁREO DURO!!!

Comenta-se no Irã que, só quando bebe, Ahmadinejad fala coisa piores que John Galliano sobre os holocausto.

Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira

O concurso de número 1.262 da Mega-Sena, que será sorteado na noite desta quarta-feira, deve pagar R$ 33 milhões para a aposta que acertar as seis dezenas, segundo estimativa da Caixa Econômica Federal.
No último sábado (26), nenhuma aposta acertou os números do concurso 1.261 e o prêmio voltou a acumular. As dezenas sorteadas na ocasião em Tramandaí (RS) foram: 10 - 14 - 22 - 41 - 42 - 53.
De acordo com a Caixa, 78 apostas acertaram a quina e vão receber R$ 32.348,20 cada uma. A quadra vai pagar R$ 555,39 para cada um dos 6.490 bilhetes ganhadores.
Quem quiser tentar a sorte no próximo concurso deve fazer suas apostas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio. A aposta mínima, de seis números, custa R$ 2..

terça-feira, 1 de março de 2011

CBF é multada por manipulação de resultados no Brasileirão de 2005

Um juiz condenou nesta segunda-feira a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e outras duas pessoas a pagarem uma multa de R$ 160 milhões pela manipulação de onze jogos no Campeonato Brasileiro de 2005.

A CBF, o ex-árbitro Edilson Pereira de Carvalho e o empresário Nagib Fayad terão que pagar a multa por danos morais causados aos consumidores, informou nesta segunda-feira o Tribunal de Justiça de São Paulo em comunicado.

O Tribunal também aplicou uma multa adicional de R$ 20 milhões a Edilson Pereira de Carvalho, Nagib Fayad e o ex-árbitro Paulo José Danelon, também envolvido no escândalo, por danos morais indiretos aos consumidores.

Tanto a CBF como os outros acusados têm direito de recorrer da sentença judicial.

Edilson Pereira de Carvalho confessou ter recebido quantias entre R$ 10 mil e R$ 15 mil por cada resultado manipulado em benefício de um grupo de empresários que apostava pela internet.

Quando a fraude foi descoberta, as 11 partidas do Campeonato Brasileiro que tinham sido apitadas por Carvalho foram disputadas novamente, o que produziu uma mudança na classificação.

Após a repetição dos jogos, o Corinthians foi o clube mais beneficiado, já que recuperou quatro pontos, ultrapassou o Internacional na reta final do campeonato e se coroou campeão. EFE
Telegrama dos EUA revela críticas de Temer a Lula em 2006
Em uma conversa com o cônsul-geral dos EUA em São Paulo, Christopher J McMullen, em 9 de janeiro de 2006, o vice-presidente Michel Temer afirmou que o desempenho do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva no cargo era decepcionante.

Segundo telegrama obtido pelo site Wikileaks, a situação oferecia uma oportunidade para o PMDB lançar se próprio candidato.
"Temer criticou a visão estreita de Lula e seu excessivo foco nos programas de seguridade social que não promovem o crescimento ou desenvolvimento econômico", afirma McMullen no despacho.

O então deputado peemedebista também classificou como fraude o governo petista.

Ele ainda relatou a desilusão popular causada pelo "roubo de dinheiro público" que teria sido feito por líderes do PT.

De acordo com Temer, a intenção dos petistas não era ter um ganho pessoal, mas aumentar o poder político do partido.

Temer disse ao cônsul que a decisão sobre do PMDB dependeria do desempenho de Lula nas pesquisas. Ele cita como possíveis candidatos Anthony Garotinho, Germano Rigotto e Nelson Jobim.

O vice-presidente lembrou que o partido esteve com o tucano José Serra em 2002.

Em 2006, o PMDB só formalizou o apoio a Lula no segundo turno.

Dilma no programa de Ana Maria Braga

E falavam tão mal da Globo, que era golpista, Serrista....

Larga o "osso" e vêm pro Brasil!!!

Muamar Kadafi já ensaia o "salto Trípoli" para sua fuga da Líbia. Caracas? Teerã? Que nada!!! Brasília!

" SEM CUMPANHERO"

Pelo rol de ditadores caindo pelo mundo, vai faltar convidado ilustre na inauguração do futuro Instituto Lula, em São Paulo.